Desde aquela época, a Índia é origem das especiarias mais usadas, como o gengibre, pimenta-do-reino, cravo-da-índia, açafrão, cúrcuma e cardamomo. As ilhas Molucas, na Indonésia (conhecidas como “Ilhas das Especiarias”) são fonte da noz-moscada e cravo.

Na época das Grandes Navegações e Descobrimentos Marítimos, as especiarias eram muito valorizadas na Europa, pelo simples fato de não poderem ser cultivadas neste continente em função do clima. Com o crescimento da Burguesia, a demanda por esses produtos que na época eram considerados de luxo, também cresceu e muito.

As especiarias eram produtos orientais, como o cravo-da-índia, noz-moscada, a pimenta-do-reino, o açúcar, a canela, o anis-estrelado, o gengibre, o coentro, a mostarda e o açafrão, vendidos na Europa com uma margem de lucro considerável.

As especiarias eram diversos produtos de origem vegetal, de aroma ou sabor acentuado, geralmente eram utilizadas na culinária como conservante e aromatizante dos Page 2 alimentos. Na farmácia são utilizadas na preparação de óleos, unguentos e medicamentos. Também é utilizado para fazer perfumes, incensos, etc.

2 resposta(s) Especiarias em geral, seda, perfumes, ouro, prata e pedras preciosas.


Quais são as especiarias do Oriente?

Desde aquela época, a Índia é origem das especiarias mais usadas, como o gengibre, pimenta-do-reino, cravo-da-índia, açafrão, cúrcuma e cardamomo. As ilhas Molucas, na Indonésia (conhecidas como “Ilhas das Especiarias”) são fonte da noz-moscada e cravo.

O que eram as especiarias do oriente qual sua importância para o comércio marítimo colonial?

Na época das Grandes Navegações e Descobrimentos Marítimos, as especiarias eram muito valorizadas na Europa, pelo simples fato de não poderem ser cultivadas neste continente em função do clima. Com o crescimento da Burguesia, a demanda por esses produtos que na época eram considerados de luxo, também cresceu e muito.

Que tipo de especiarias os europeus buscavam no Oriente?

As especiarias eram produtos orientais, como o cravo-da-índia, noz-moscada, a pimenta-do-reino, o açúcar, a canela, o anis-estrelado, o gengibre, o coentro, a mostarda e o açafrão, vendidos na Europa com uma margem de lucro considerável.

Quais eram as mercadorias orientais e o que eram as especiarias?

As especiarias eram diversos produtos de origem vegetal, de aroma ou sabor acentuado, geralmente eram utilizadas na culinária como conservante e aromatizante dos Page 2 alimentos. Na farmácia são utilizadas na preparação de óleos, unguentos e medicamentos. Também é utilizado para fazer perfumes, incensos, etc.

Quais os produtos consumidos pelos europeus que vinham do Oriente?

2 resposta(s) Especiarias em geral, seda, perfumes, ouro, prata e pedras preciosas.

Qual é a importância das especiarias?

As especiarias são conhecidas como plantas condimentares. Elas enriquecem o sabor, o aroma e a coloração dos alimentos. Assim, são utilizadas na culinária para condimentar as refeições, sobremesas, lanches e qualquer outro preparo.

O que eram as especiarias e por que eram tão importantes?

As especiarias eram diversos produtos de origem vegetal, de aroma ou sabor acentuado, geralmente eram utilizadas na culinária como conservante e aromatizante dos Page 2 alimentos. Na farmácia são utilizadas na preparação de óleos, unguentos e medicamentos. Também é utilizado para fazer perfumes, incensos, etc.

Quais produtos os europeus necessitavam buscar no Oriente?

As especiarias eram produtos orientais, como o cravo-da-índia, noz-moscada, a pimenta-do-reino, o açúcar, a canela, o anis-estrelado, o gengibre, o coentro, a mostarda e o açafrão, vendidos na Europa com uma margem de lucro considerável.

O que são as especiarias?

As principais especiarias são pimenta-do-reino, canela, noz-moscada, cravo-da-índia, anis-estrelado, baunilha, cardamomo, gengibre, pimenta-malagueta, mostarda em grão, açafrão, pimenta-da-jamaica.

O que são e quais são as especiarias?

As especiarias são temperos (condimentos) usados na culinária para proporcionar sabores diferentes nas comidas. Algumas especiarias também eram, e ainda são, utilizadas na fabricação de cosméticos, óleos e medicamentos. As principais são: pimenta, gengibre, cravo, canela, noz moscada, açafrão, e ervas aromáticas.

Quais são as especiarias brasileiras?

Essas especiarias (urucum, cacau, guaraná, cravo, canela, castanha, pimenta, baunilha, etc.) cultivadas no nordeste brasileiro foram uma das principais fontes de renda para a Coroa Portuguesa, que na época, buscavam maneira de enriquecer.

Quais outros produtos orientais passaram a ser consumidos?

Especiarias eram produtos raros, vindos principalmente do oriente, que passaram a ser consumidos em larga escala pelos europeus desde a época das Cruzadas (Idade Média). Exemplos: pimentas, canela, cravo, seda, marfim, cânfora, nós moscada, gengibre, alóes, incenso, sândalo, perfumes e produtos aromáticos.

Quais as especiarias que vinham do Oriente?

As seis mais importantes – pimenta, gengibre, canela, cravo, maça e noz-moscada -, vinham de muito longe e davam lucros generosos.

Quais eram as especiarias mais buscadas no Oriente?

As mais procuradas, no século XV, eram a pimenta-do-reino, o cravo, a canela e a noz-moscada. Nativas da Ásia, eram difíceis de obter, portanto, extremamente caras. Eram usadas até mesmo como moeda e, segundo Nepomuceno, constituíam “dotes, heranças, reservas de capital e divisas de um reino.

Última Atualização: 19/02/2023