A terapia holística consiste em um conjunto de técnicas variadas que são usadas de maneira complementar aos métodos tradicionais da medicina ocidental. Essas técnicas trabalham sobre a totalidade do ser humano e suas multidimensões, com intuito de restaurar e manter o equilíbrio entre o corpo, mente e espírito.

O objetivo é ajudar o paciente a melhorar a qualidade de vida e chegar ao seu ponto máximo de equilíbrio físico, emocional e energético. As terapias holísticas se propõem a tratar diversos problemas de saúde, como insônia, medo, ansiedade, dores físicas ou musculares e bloqueios energéticos.

A terapia holística promove o equilíbrio físico, psíquico, espiritual e social por meio de estímulos naturais, mediante a auto-ajuda ou despertar da consciência do indivíduo sobre seu corpo e seu papel no meio em que vive.

A acupuntura é a técnica mais difundida com 707.000 atendimentos e 277.000 consultas individuais. O tratamento, tradicional da medicina chinesa consiste em introduzir fins agulhas agulhas em pontos precisos do corpo, para tratar diferentes doenças ou provocar efeito anestésico.

Basicamente, o terapeuta faz uma anamnese para descobrir os aspectos que precisam ser trabalhados no paciente. O profissional não concentra sua atenção nos sintomas físicos, mas na origem deles, já que, para ele, o tratamento deve começar de dentro para fora, e não o contrário.


Qual o objetivo da terapia holística?

A terapia holística consiste em um conjunto de técnicas variadas que são usadas de maneira complementar aos métodos tradicionais da medicina ocidental. Essas técnicas trabalham sobre a totalidade do ser humano e suas multidimensões, com intuito de restaurar e manter o equilíbrio entre o corpo, mente e espírito.

O que é a terapia holística?

A terapia holística se concentra em tratar o indivíduo como um todo; abrange o aspecto mental, emocional, físico e espiritual. Ela também foca em problemas mais profundos, que podem estar além de fatores externos, para ajudar o indivíduo a encontrar uma cura duradoura.

Como a terapia holística pode me ajudar?

A terapia holística pode ajudar você a reconhecer e entender as causas de seus problemas de saúde, liberando as tensões emocionais, mentais e espirituais. Ela também oferece recursos para lidar com eventos traumáticos e influenciar positivamente o processo de cura, proporcionando maior estabilidade e autoconhecimento.

Quais são os benefícios da terapia holística?

Os benefícios da terapia holística incluem melhorias no bem-estar geral, aumento da saúde mental e física, redução do estresse, melhoria na qualidade de vida e redução dos sintomas de ansiedade, depressão e outros transtornos mentais.

Quais são os métodos usados na terapia holística?

Os métodos usados na terapia holística podem variar de acordo com o profissional. Muitos profissionais irão usar técnicas de relaxamento, meditação, yoga, arteterapia, hipnose, regressão, expressão corporal, terapia emocional, terapia cognitivo-comportamental, acupuntura e outras.

Qual o papel do terapeuta holístico?

O objetivo é ajudar o paciente a melhorar a qualidade de vida e chegar ao seu ponto máximo de equilíbrio físico, emocional e energético. As terapias holísticas se propõem a tratar diversos problemas de saúde, como insônia, medo, ansiedade, dores físicas ou musculares e bloqueios energéticos.

Como a terapia holística pode ajudar na ansiedade?

A terapia holística promove o equilíbrio físico, psíquico, espiritual e social por meio de estímulos naturais, mediante a auto-ajuda ou despertar da consciência do indivíduo sobre seu corpo e seu papel no meio em que vive.

Qual a terapia holística mais procurada?

A acupuntura é a técnica mais difundida com 707.000 atendimentos e 277.000 consultas individuais. O tratamento, tradicional da medicina chinesa consiste em introduzir fins agulhas agulhas em pontos precisos do corpo, para tratar diferentes doenças ou provocar efeito anestésico.

Como se faz terapia holística?

Basicamente, o terapeuta faz uma anamnese para descobrir os aspectos que precisam ser trabalhados no paciente. O profissional não concentra sua atenção nos sintomas físicos, mas na origem deles, já que, para ele, o tratamento deve começar de dentro para fora, e não o contrário.

Última Atualização: 24/12/2022